Eu amo os nossos momentos juntos

07 outubro 2018

Sou apaixonada por cada detalhe que forma a nossa história, até mesmo pelas brigas que a gente não consegue evitar, que começam de repente, que nos faz perder a noção de muita coisa. Tem vezes em que transformamos tudo em razão para uma discussão boba, a gente tem a mania de provocar um ao outro, de dar aquelas alfinetadas só para ver até onde vai o nosso limite, pra ver quem é que aguenta mais tempo, a gente até parece cão e gato, enche o saco do outro até não dá mais pra continuar, eu acabo me irritando e dizendo que vou embora, que a paciência já deu, mas sempre fico, e depois quando percebo estamos deitados na cama, dando tantas risadas que até perdemos a noção do tempo, e tudo porque não conseguimos ficar longe um do outro. 

Você sabe o quanto eu sou complicada, faço questão de deixar bem claro o quanto eu perco a paciência fácil, como qualquer coisinha simples é capaz de me tirar do sério, de fazer uma tempestade se agitar em mim. Tenho a mania de reclamar de tudo, de resmungar por um tanto de coisas que às vezes nem você entende, me estresso de uma hora para outra e começo a reclamar ainda mais quando as coisas não saem exatamente como eu quero. Cê vive dizendo que parece que eu fico na TPM todos os dias do mês, mas você insiste em me ver batendo o pé, com a cara fechada, fazendo bico e de braços cruzados, porque você vive fazendo as coisas que mais me irritam. 

Às vezes eu tento ficar no meu canto, continuar quietinha na minha até a poeira baixar, mas quem disse que você deixa? Porque você acha tanta graça no meu jeito complicado, na minha bagunça, que vive me provocando, chegando devagarinho como um intruso e mudando todo o meu humor, mas quer saber, eu amo isso, amo você ser assim, e fazer tantas brincadeiras para me ver fora do eixo, longe da minha zona de conforto, porque eu prefiro mil vezes a gente ser assim, tão único, do que aquele tipo de casal sem graça. 

Sou apaixonada pelos nossos altos e baixos, pelas nossas brigas mais bobas que terminam no mesmo instante em que começam, pelas cócegas que me deixam brava a ponto de querer explodir, pelos momentos em que insisto em não falar nada ou inventar que a gente brigou sendo que você estava quietinho na sua, porque o nosso amor é maior do que todas essas coisas, maior do que as nossas crises repentinas, maior do que qualquer desentendimento, e são esses os meus momentos preferidos, quando é só a gente, eu e você, de um jeito que me faz amar cada detalhe da nossa história. 

0 comentários:

Postar um comentário