Ela não é tão simples

02 julho 2018

Ela se faz de difícil. Não sabe ser fácil quando todas as barreiras estão ativadas, por isso para conquistá-la é preciso estar preparado para desarmar cada uma delas, mas saiba que não é na primeira tentativa que ela se deixa transparecer por completo, não é no primeiro encontro que ela conta todos os detalhes da sua vida como se já te conhecesse há anos, porque ela é cautelosa demais para permitir que qualquer um ocupe espaço na sua vida. 

Não é na primeira troca de olhares que ela começa a criar expectativas para o futuro, não é na primeira conversa que ela começa a acreditar nesse papo de casamento e filhos, porque ela é tão desconfiada de tudo e todos que não consegue entrar de cabeça em uma possibilidade que pode nem chegar a dá certo, ela é muito pé no chão para imaginar contos de fadas e príncipes encantados. 

Pode até parecer que ela não está interessada, mas primeiro ela tem a mania de observar onde está pisado só para ter certeza de que não é nenhum campo minado, que não é nenhum outro joguinho que só termina quanto alguém machuca o coração, porque ela gosta de evitar traumas e impactos que demoram para se curar; também não se importa com status ou com jantares românticos nos restaurantes mais caros da cidade, porque não é com essas coisas que ela está preocupada. 

Na verdade, tudo o que ela quer é alguém que pergunte como foi o seu dia, que não canse de ouvir as suas histórias e conspirações que só ela entende, alguém que a abrace depois de maratonar algumas das séries da Netflix, alguém que sabia contar uma piada, mesmo se for uma daquelas sem graça, porque ela vai rir só de ter contado, alguém que a surpreenda com uma barra de chocolate e um pedaço de pizza enquanto ela está deitada no sofá, ela só quer alguém que esteja presente, e que a toque sem precisar de fato tocá-la, porque ela quer alguém que conquiste cada pedacinho do coração antes de cada espaço do seu corpo. 

2 comentários: