Eu aprendi a viver a minha vida sem você

01 junho 2018

Eu já não penso mais em você. Depois de todo esse tempo, eu aprendi a viver a minha vida de um jeito diferente, reinventei meus hábitos e comecei a acreditar em novas crenças e abandonar velhas ideias que já não pareciam me satisfazer, e você ficou completamento no meu passado, deixei você dentro de uma caixa no porão, onde o tempo se encarregou de todo o resto. 

Amadureci de uma maneira na qual eu passei a não precisar mais de você para me sentir completa, porque eu me apaixonei de novo e descobri um pouco do amor que eu achava que havia encontrado em você. Finalmente entendi que você já não precisava fazer parte da minha vida e depois de tantas decepções e de tanto quebrar a cara na mesma insistência, eu me desintoxiquei totalmente do seu encanto, daquele sorriso inocente que não me fazia dormir a noite, daquele misto de sensações que acelerava tudo em mim sempre que eu te via. 

E então, como em um passe de mágica, você apareceu dizendo com a maior cara de pau que ainda tem o meu número na sua lista de contatos, que depois de todo esse tempo não se deu se quer ao luxo de excluí-lo, nem depois de todas as vezes em que eu só consegui jogar na sua cara o quanto você me destruiu por semanas inteiras, porque você conseguiu superar todos os outros, em uma proporção difícil de esquecer tão facilmente. 

Não importa quanto tempo fique no passado, ou o quanto você ainda vai viver, porque ninguém te amou mais do que eu amei e ninguém jamais me marcou do jeito que você me marcou, tudo começou por você, mas agora eu já não te amo mais, não importa quantas vezes eu veja a sua foto no history ou quantas mensagens suas eu ainda receba, porque agora já não me resta nada do sentimento de antes, nenhum resquício se quer do que eu já havia sentido, e agora, outro alguém já conseguiu substituir toda a marca que você deixou no peito, agora não resta mais nada de você. 

0 comentários:

Postar um comentário