Eu te amo, mas não vou ficar

19 dezembro 2016

Eu te amo desde o primeiro instante em que te vi. Foi aquele sorriso tímido que chamou a minha atenção, foi o seu jeito de mexer no cabelo que me fez querer observar até mesmo os detalhes mais simples em você, porque cada um deles acabou me conquistando, e cada pensamento meu era tão repleto de você que passou a ser impossível pensar em outro alguém ou em qualquer outra coisa, mas isso não foi o suficiente pra me fazer ficar, e tudo o que eu sentia não bastou pra eu me ver tendo um futuro ao seu lado.

Eu te amo desde aquele momento em que comecei a imaginar quais eram as suas manias e o que cê costumava fazer no tempo livre, se em algum instante da sua noite você já pensou em mim da mesma maneira que eu pensei toda vez em que acordava ou que ia dormir. Eu admito que amei todas as vezes em que você segurou a minha mão até mesmo pra eu te acompanhar até a padaria do lado da sua casa. Te amei tanto que o universo é incapaz de destruir um sentimento tão forte como o meu, mas infelizmente não era pra ser. 

Eu acho que te amei mais do que qualquer outra coisa nesse mundo, porque a graça estava em deitar do seu lado naquelas noites frias de dezembro e assistir aquela sua série favorita até um de nós pegarmos no sono, mas até mesmo todos aqueles momentos juntos não foram o suficiente pra continuarmos próximos. A gente tentou provar de todas as maneiras, convencer um ao outro de que mudamos e que o tempo nos fez amadurecer, eu até tentei gritar ao mundo que você era o amor da minha vida, e que tu seria o cara mais feliz do mundo se me deixasse ficar, mas não deu certo. Infelizmente eu tive que seguir em frente. 

Tive que continuar vivendo essa minha vida mesmo sem você nela, mesmo sentindo a sua falta em cada segundo em que você não estava presente, mesmo que doesse demais e eu sentisse o meu coração fugindo do peito toda vez que te imaginava em outro lugar que não fosse do meu lado, mas depois de cada tentativa eu parei de me imaginar com você, porque pareceu que não havia um caminho a seguir além desse, era o único jeito de me curar. Eu te amo, mas eu não vou ficar.

Eu te amo tanto que essa saudade não vai diminuir, e quando não houver mais nada pra sentir, eu ainda vou te amar com essa mesma intensidade de agora, porque nada vai mudar o que eu sinto dentro do peito, nem mesmo se eu conhecer um outro alguém, ou se eu me apaixonar novamente. Eu também sei que vai doer a cada passo que eu der, mas se é assim que tem que ser, e se é verdade a certeza que tenho de que nada vai mudar, então eu quero que saiba que eu te amo, e que talvez eu te encontre em outra vida e continue te amando do mesmo jeito. 

0 comentários:

Postar um comentário